desmotivação no trabalho é um problema que merece toda a atenção do profissional, afinal é precisamente o local de trabalho o sítio onde passa mais tempo do seu dia.

Normalmente, essa desmotivação surge quando o profissional se sente, pelo menos na maior parte do tempo, menos produtivo e mais cansado, ficando assim mais exposto ao desenvolvimento de algumas doenças tanto a nível físico, como psicológico.

Se sente que está a passar por este tipo de problema, é essencial que consiga identificar imediatamente os possíveis motivos que possam estar a desmotivá-lo, para que consiga sair rapidamente desse ciclo que o deixa insatisfeito.

Fique connosco e conheça as causas associadas à desmotivação no trabalho, assim como algumas soluções que o vão ajudar a resolver este problema.

QUAIS AS CAUSAS ASSOCIADAS À DESMOTIVAÇÃO NO TRABALHO?

mulher encostada a mostrar sinais de desmotivação no trabalho

1 -Sentir que o trabalho na empresa está estagnado

Todos sabemos que existem alguns trabalhos mais rotineiros do que outros. No entanto, e dependendo do tipo de trabalho que exerce diariamente, a rotina pode mesmo tornar-se cansativa para si.

Uns profissionais lidam melhor com a rotina do que outros, contudo é essencial que tome uma atitude a partir do momento em que se apercebam de que a sua carreira estagnou.

Quando sentimos que a nossa carreira está “parada” por algum motivo, é porque temos uma grande necessidade de aprender novas coisas para além do que fazemos ao longo do nosso dia de trabalho normal.

Quando se começa a questionar de uma forma contínua quais serão as hipóteses que tem de crescer na empresa onde trabalha e se, mesmo assim, não consegue encontrar a resposta que procura, então, deve estar alerta aos primeiros sinais de desmotivação no trabalho.

Muito provavelmente irá sentir-se sem vontade de ir para o local de trabalho e realizar as suas tarefas de forma produtiva e eficaz.

2 -Falta de reconhecimento

A falta de reconhecimento é mais uma das causas da desmotivação no trabalho. Afinal, quando sente que o seu trabalho não é valorizado é compreensível que se comece a sentir sem vontade para ir trabalhar também.

Quando acaba de desenvolver um projeto e entrega ao seu chefe para que possa receber algum tipo de feedback, espera obter algum tipo de reconhecimento, seja o feedback positivo ou algumas críticas construtivas.

Quando não existe qualquer tipo de feedback em relação ao trabalho que desenvolve, é natural que se sinta desvalorizado e até triste. Ainda por cima quando sabe que investiu tempo e dedicação no projeto que terminou e que sabe que traz excelentes resultados para a empresa.

3 -Insatisfação salarial

Quando acredita que o seu salário não corresponde àquilo que deveria estar a receber na verdade, então, esta pode mesmo ser uma das causas para a sua desmotivação.

Quando se apercebe que o seu trabalho não é valorizado, sente-se desmotivado quase de uma forma automática e, consequentemente, pode até mesmo começar a fazer comparações com outras empresas.

É essencial que nessa situação tente lutar por uma promoção em vez de se focar nas condições salariais que as outras empresas possam ter para oferecer.

4 -Dificuldade em relacionar-se com os colegas

A falta de motivação surge, muitas vezes, porque o profissional tem dificuldade em relacionar-se com os outros. Quando o próprio ambiente de trabalho é pesado e carregado de más energias e quando não se consegue relacionar com os seus colegas, torna-se difícil ganhar motivação para ir trabalhar.

Por outro lado, essa dificuldade pode também acontecer simplesmente porque não se identifica com o seu chefe ou os seus colegas.

5 -Stress em demasia

Se o trabalho ocupa todo o seu tempo, é normal que se sinta completamente em stress e, consequentemente, irá sentir que deixou de fazer algumas coisas que lhe traziam satisfação.

Quando o trabalho é em excesso e quando se sente constantemente pressionado para concluir as suas tarefas, é muito provável que fique desmotivado para trabalhar.

COMBATER A DESMOTIVAÇÃO: ALGUMAS SOLUÇÕES

A desmotivação no trabalho pode estar associada a diversos fatores. No entanto, o primeiro passo para que consiga resolver e eliminar este problema passa precisamente, pela identificação das causas. Ou seja, deve fazer uma pequena reflexão sobre o que poderá estar a acontecer e a desencadear essa reação.

Lembre-se de que a motivação deve partir sempre de si e não dos seus colegas ou do seu chefe. Faça uma lista com todos os aspetos que o estão a incomodar e a provocar esse sentimento.

Depois de identificar os motivos, deve parar imediatamente de se culpar. Muitas vezes culpamos-nos pela falta de motivação, contudo deve entender que se alguma coisa correr mal, a sua atitude deve ser a de assumir a responsabilidade e trabalhar para que o erro não volte a acontecer.

Não perca tempo a lamentar-se. Afinal as lamentações não vão resolver o problema.

Sempre que se sentir desmotivado no trabalho, foque-se no seu futuro e procure refletir sobre as metas e objetivos a atingir. Se os tiver bem definidos, conseguirá manter-se motivado por muito mais tempo.

Combater a desmotivação, passa também por se lembrar das conquistas que alcançado ao longo do tempo. Este tipo de pensamento ajuda-o a manter-se focado e motivado para chegar ainda mais longe.

Supere todas as suas adversidades e prepare-se para encarar novos desafios. Transforme os seus obstáculos ou aquilo que o está a impedir de fazer algo em oportunidades para alcançar os seus objetivos.


Like it? Share with your friends!